11.11.14

AMIGO URSO

na primeira vez que encontrou o grande urso, pensou: 
como pode viver neste clima infernal de recife?
imaginou sua barba com iogurte e mel de manhã.
jogou a real: gordito, se você fizer a cirurgia bariátrica, eu vou morgar.
(o pau recebe as coordenadas do cérebro, é foda.)
o grande urso diz sentado: o café ainda tá de pé?
a música francesa na vitrola, o grande urso fazendo biquindo: je t’aime.
o jeans ficou todo babado.
esse olfato apurado é capaz de me tragar por inteiro.
decidiu que não brincaria mais com o grande urso, por alguns segundos.
desejava uma brincadeira violenta para mostrar os limites de sua força.
vamos brincar de brigar, amigo urso?

(Cleyton Cabral)

Nenhum comentário: