21.2.14

a partir de agora vou conversar com você olhando para os seus pés. é que você me olhando assim, sei não. seus olhos são duas luas cheias refletindo no espelho do mar. e como se deixar banhar por esses olhos que me incitam a mergulhar rasante? passear por suas íris, dilatar suas pupilas. me afogar de desejo.

(Cleyton Cabral)

Nenhum comentário: