7.1.14

BARMAN

Fazer uma sangria com os poemas vermelhos para não deixar o coração sangrar.

(c.c)

2 comentários:

ediney santana disse...

Os poemas e os vermelhos bares

Luciano disse...

Vermelhidão