3.2.11

Te amo

Te amo de manhã. Te amo com as suas costas recebendo os primeiros raios de sol pela janela, te amo com o seu corpo marcado pelo lençol, te amo com seu pijama furado, te amo com a sua cara amassada, te amo com a sua boca suja de iogurte, te amo com os seus pés ainda quentes sobre os meus embaixo da mesa, te amo com sua xícara fazendo borra de café, te amo com você pedindo para eu deixar meu carro na garagem porque você vai me levar ao trabalho, te amo com sua mão no meu queixo desejando um bom dia de trabalho. Te amo à tarde. Te amo com sua confusão para trocar os talheres das mãos para cortar a carne, te amo com os gominhos do suco de laranja em seus dentes, te amo com a calda do pudim sujando sua roupa, te amo com os seus torpedos desesperados de ‘onde você está, pq não me atende?’ no fim da tarde, te amo no congestionamento, te amo com a sua mão na minha perna acariciante. Te amo à noite. Te amo com seu sanduíche de queijo do reino, te amo com você me trocando pela reprise do filme na tevê, te amo quando você tira as meias para se esquentar enroscando suas pernas nas minhas. Te amo de madrugada. Te amo com seus roncos, te amo sonhando e acordado.

13 comentários:

Anônimo disse...

24 horas de amor, lindo Core, o amor não tem limites...de qualquer forma é bom de se amar, como sempre me supreende...

Rodrigo disse...

Amar não é pecado e te amo!

Sensíveis e apaixonados! A gente sente o que vc escreve.

mss.

Daniel Chagas disse...

Tão sensível, delicado e real. Gostei muito.

Gehlen disse...

:)

gostoso

i ILÓGICO disse...

eu também amo!
e amo meus filhos! todos!

Marlon Vila Nova disse...

Ai, ai! (suspiro)

BLOG DINIZ K-9 disse...

Parabéns pelo blog, acabei de me cadastrar e vou acompanhar as postagens. Visite o Blog Diniz K-9
http://dinizk9.blogspot.com/

Sakana-san disse...

Porque chulé, mal hálito e remela nos olhos também fazem parte de uma relação a dois...

Edilson Cravo disse...

Lindo post. Lindo amor. Abraços e linda semana.

Lai Paiva disse...

O amor, ah o amor né? Tão dono da gente... Bjs

Luna disse...

ah o amor, rs, como eu queria pra mim um assim.

(sempre te leio,mas nunca comento, tsc,sou uó)

Joelma disse...

Nossa como amor é inquestionável, na importa de maneira, amar é preciso para se ter vida de verdade. Eu sei que estou viva porque amo. parabens pela forma como fala do amor. beijos

Berg disse...

Eu te amo 24 horas por dia que você tem ouvido muito?
Não. Nem ouvido e muito menos dito.
O único para quem eu digo "eu te amo" com freqüência, é para meu gato... e ele não me diz nada, mas retribui com muito carinho e dedicação.
No final do filme "Cleyton e eu", dizem uma frase que é mais ou menos assim: " um cachorro (no caso cito animal), não precisa de carrões, roupas de marca e nem dinheiro para ser feliz... basta um graveto. Não se importa se você é rico ou pobre, brilhante ou idiota, burro ou inteligente. Basta que você dê seu coração a ele, e você terá o dele. De quantas pessoas você poderá dizer o mesmo?.. "
Fiquei pensando nisso por muito tempo e me senti extremamente triste em saber que é uma verdade..
Rsrss.