17.11.10

Poeminha do abraço

Vontade
de
me
encostar
(e me demorar)
nos
vãos
dos
teus
braços.

6 comentários:

Eduardo Araújo disse...

Bonito poema de amor.


E quem não quer braços que abracem?

RÔ_drigo disse...

Fofo=)
Tirei a DOGlandia do mofo,depois confere lá...

Edilson Cravo disse...

Que delícia, pedir mais o que da vida?rs
Abraços querido e apareça no Lua..sds de ve-lo por lá.

Marcelo R. Rezende disse...

Puro abraço, puro amor.
Owns.

Lai Paiva disse...

E tem abraço que é o melhor lugar do mundo né?! Lindo! Bj

Anônimo disse...

Aiiaiaiaia q vontade me dá...

Katy Lima