26.7.10

microconto masoquista

Você pode até machucar meu braço, benzinho, mas não quebre meu Rolex.

6 comentários:

Paulo Braccini disse...

adoro os microcontos ... dizem tudo em poucas palavras ... fico a imaginar outros do gênero ... mas aqui e agora impublicáveis ... rs

bjux

;-)

Sentilavras disse...

Hora de morfar!

Sentimentalidades-Todas disse...

Pq até o desejo masoquista tem seu limite.
E salvemos os redondos...rs
ABraços, Clayton!!!

Marcelo R. Rezende disse...

Masoquista, mas divertido.
Assim que é bom.

Beijo.

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKKKK eu acho que era um sentimento de ciúmes... ele de tú e eu do relógio kkkk


Bjus Jacque

Eduardo Araújo disse...

... só um tapinha ...