18.12.08

das defesas.

- Papai, papai, nesse natal eu quero uma arma do Samurai.
- Não meu filho, nada de arma.
- Então eu quero um escudo.