25.11.08

Senhoras e senhores!


A solidão bate na minha porta às vezes. O amor bate muitas vezes e eu não atendo. Hoje, resolvi deixar a chave no trinco do lado de fora, deixar a porta entreaberta para passar o vento, o tempo. Pintei as paredes do meu coração, lavei o chão, tirei as teias de aranha e coloquei placa de “aluga-se por tempo indeterminado”, não precisa de fiador, basta ter a vontade de sonhar e sorrir juntos. No contrato diz “tome cuidado para não arranhar as paredes desse coração” e “mantenha o clima sempre quente”. O amor bateu na minha porta e eu abri.

5 comentários:

Aquela par que virou ímpar. disse...

isso de pré-aviso no ecsixte!

tem que ir atrás.
mas agora eu tô quietinha. e assim vou ficar por um bom tempo.

Ps: to sem tempo pra fazer alterações nos meus favoritos. e ainda tô pensando se vou te add ou não :p
besos gentleman.

Marcela Tenório disse...

.

Que coisa tão linda e tão inspiradora!!

Tu sabe que sou menina de amar né? Adouro o amor e tudo que vem com ele, como aqueles sorrisos bobos do vento que passa ...

Ai , ai ...

_____Amanda_______ disse...

gostei do q escreveu!
copiei!!!!
bjs
=]

Cláudio disse...

Olha.. alguem anda praticando sexo aqui! hahahaha

Dedinhos Nervosos disse...

Não é fácil deixa a chave ao alcance de quem se dispõe a pegá-la. Homem corajoso. É isso aí.
Bj.